Sexta-feira, 8 de Janeiro de 2010

Ousadia em sonho

 

 

 


Ousadia ou não…


Virada para o lado do sonho me perco
quero viajar
e nunca mais regressar
nas tempestades do mar revolto
quero pertencer
nele me deitar
navegar
nas ondas mais turbulentas
te amar
no êxtase,  da maré baixa
descontrair e sorrir
pela ousadia
às estrelas eu quero lá chegar
poder brilhar e dizer…
Sou a felicidade
sem pudor nem vaidade
pertencer eternamente
á noite magica dos enamorados
que se encantam com tal beleza
Ao sol queria eu lá chegar
impossível sem me queimar
é mais forte do que tu do que eu
mas nunca de nós
que aquecemos o universo com nosso amor
pela vida…
Não…
por nós…
por eles…
pelos que não sabem o que é amar
Queria ser muito mais
ser a alegria para te fazer sorrir
ser a esperança
para não te ver partir
ser a verdade
para te realizar
Só sei que quero ser tudo e nada
porque do nada se nasce…
 do tudo
se completa…
sinto poder ser tudo
só preciso de ti a meu lado…

 

 

Alzira Macedo

 

 

sinto-me: ousada
música: Et tu dance avec lui

publicado por Alzira Macedo às 01:12
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Domingo, 13 de Dezembro de 2009

Livres para amar...

 

Nesta época natalícia…
Há muito que se lhe diga…
E muitos até farão postes alusivos a isso…
eu sou diferente, penso muito nesta época até fico mais triste, mais desmotivada…
Mas não me canso de elevar o amor,  os sonhos,  a alegria de casa em casa de pessoa em pessoa…
Venho de forma diferente.. De mansinha de palavras simples. Mas estou presente, até porque penso e acho e tenho a certeza de que Natal é todos os dias.
Não olho a prendas nem quero…
Porque tudo isso é material, mas quero sim a paz no mundo em cada casa, em cada ser em cada criança e em cada adulto que tanto sofre sem paz sem encontro…
Mas com um forte desejo de encontrar a felicidade merecida…
Minha mensagem para todos vós é amar sem medidas sem preconceitos…
AMAR por AMAR…

 

 

 

Livres para amar...

 

Infatigável é a voz do coração...

 Deixando o pensamento voar,
e ser livre para amar.

 Não amar porque é proibido,
tudo isto não tem sentido!!!

 Simplesmente dizes e pensas o que te vai na mente,

 Será o desejo de muita gente.

 Coração deixa ver quanto fazes sofrer!!!

 Pensamento livre para amar,

 As circunstâncias da vida é que te fazem parar.

 Insaciável é tua sede de viver,

 Poder ser livre de amar sem a ninguém pertencer.

 Á tua volta sentes opressão!!!

 Desces desse sonho porque te chama a razão.

 Bom seria deixar teus sentimentos flutuar,

 Sem preconceitos e teus sentimentos partilhar.

 Nem tudo que está ao alcance do coração!!!

 Podes viver porque tens o recuso da razão.

 Então...
procura, tenta, ousa, inventa, arrisca e realiza.

 

 Nunca deixes de sonhar!!!

 

Um dia podes alcançar um tempo...
somente para amar.

 

 

 

 

Retirado do livro
in "Longe da vista, nunca do coração"
Alzira Macedo
Junho 2oo5

 

 

 

sinto-me: livre
música: I Love you

publicado por Alzira Macedo às 16:52
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
Quarta-feira, 2 de Dezembro de 2009

Homens e os sentimentos...

 

Sinto-me atropelada pelos acontecimentos
Apedrejada pela vida…
Nem sequer vou entrar em detalhes, senão meus blogues passam a ser meus diários e não momentos de partilha….
Quero e vou desanuviar….
Ok humor irónico… Mas neste momento só isso me seduz realmente….
Quero e tenho vontade de me rir, senão fico atrofiada….
Homens desculpem-me, mas neste estado de alma que me encontro só posso fazer piadas sobre vocês…  ahahahah

Sobre nós mulheres seria um momento mais doloroso….

 

 

Conselho sentimental dado por um homem

 

 

 

PROBLEMA:

 

Caro Roberto,

Espero que possa me ajudar.
Peguei meu carro e saí pra trabalhar, deixando meu marido em casa vendo televisão, como sempre. Rodei pouco mais de 1km quando o motor morreu e o carro parou.
Voltei para casa, para pedir ajuda ao meu marido.
Quando cheguei, nem pude acreditar, ele estava no quarto, com a filha da  vizinha!
Eu tenho 32 anos, meu marido 34, e a garota 22.
Estamos casados há 10 anos, ele confessou que eles estavam tendo um caso há 6 meses.
Eu o amo muito e estou desesperada.
Você pode me ajudar?
Antecipadamente grata.
Patrícia


 RESPOSTA:

Cara Patrícia,
Quando um carro pára, depois de haver percorrido uma pequena distância, isso pode ter ocorrido devido a uma série de factores.
Comece por verificar se tem gasolina no tanque.
Depois veja se o filtro de gasolina não está entupido.
Verifique também se tem algum problema com a injecção electrónica.
Se nada disso resolver o problema, pode ser que a própria bomba de gasolina esteja com defeito, não proporcionando quantidade ou pressão suficiente nos injectores.

Espero ter ajudado.
Roberto.

 

 

Hummmm... Sem comentarios...
Aguardo os vossos...

 

 

Recebi por e-mail.... Mas assino por baixo
homens e sentimentos ahahahahah
Alzira Macedo

 

sinto-me: Atrofiada pelos acontecimentos
música: Kizumba.... Tu não teras escolha

publicado por Alzira Macedo às 21:28
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quarta-feira, 28 de Outubro de 2009

Palavras que sinto...

 

          

 

 

  

 

 

 

 

 É madrugada!...

Alzira Macedo

O sol nasce lentamente, sem estares presente.
Vejo-te numa janela que próprio abriste,
E sem notar de mim partiste.
Te procuro para ti quero voltar,
Sem noção de quando te vou encontrar.
Deixo-me envolver pela tua saudade,
Desejos íntimos, que me atropelam como uma tempestade.
Em meu corpo, nasce um mar repleto de versos naufragados.
De sonhos e conquistas, que foram separados.
Sem cais nem beira, no veleiro de uma paixão!
Refugio-me na âncora da razão.
Levada pelas ondas como uma pedra preciosa!
Sendo ignorada, deixa de ser valiosa.
No mar tudo é magia tudo é mistério!
Mergulho entre as ondas me sentido por ti beijada,
Com o calor do sol nascente me sinto acarinhada.
Sorrio ás ondas, turbulentas com espuma prateada.
Sinto-me intimidada diria mesmo hipnotizada.
Me deito na praia com o cansaço de te procurar,
Como se tivesse de ao mar me entregar.
Meu olhar perplexo acompanha todo este meu navegar,
Remando com todas as forças sem te encontrar.
O murmúrio do vento, me pergunta onde estarás?
Afogada no mistério da solidão, sem saber onde,
Respondo!
Bem alem do horizonte.
 
 
 

 


Resposta do meu amigo sonhosolitario
que me contracenou em poema…
obrigado amigo gostei…

 

 

 

 

 

Palavras Sentidas
Com o teu fraco coração
Transmitindo
O sonho e muita Paixão
...
Refugias-te longe de um porto
Com as tuas fracas âncoras
No envolver da saudade
Na esperança de boas novas
Para nesse porto entrar
...
Esse teu corpo
Se envolve com o oceano
Quando está suave doce e calmo
Depois das doces conquistas
Do veleiro da paixão
Que é levado pela corrente
Da do sentimento e paixão
...
Jamais serás ignorada
És muito valiosa e prendada
Tens a magia do mistério
Da onda por ti beijada
...
Hipnotizada pelo sol
Te sentes bem apadrinhada
E pelos raios ficas
Louvada
Na magia prateada
Sentes-te mesmo
Hipnotizada
...
Tens no teu olhar Camarada
De uma tripulação
Por ti sonhada
Entre o vento
O sol
E o romper da alvorada
Perguntas pelo teu amor
Mas eles não sabem de nada
...
No mistério da solidão
Nunca vais esquecer
Esse teu amor
Porque só ele tem
A chave do teu
Coração...

 

 

                                                                                          Sonhosolitario

sinto-me: apaixonada pela vida e...
música: KLB... Ela não está aqui

publicado por Alzira Macedo às 12:54
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quinta-feira, 12 de Fevereiro de 2009

Eternos namorados...

 

 


ETERNOS NAMORADOS!
Socorrinha Castro ( Florzinha )



Quantos anos se passaram
desde que nos conhecemos,
e os nossos sentimentos perduraram
nos laços de amor que tecemos.


Sempre juntos, caminhamos lado a lado,
enfrentando momentos de alegria e de dor;
e hoje já na velhice, nunca deixamos de ser namorados
pois soubemos cultivar e regar o nosso amor.

O amor que nos uniu na juventude,
criou raízes no meu e no seu coração;
é o amor - plenitude, é um amor - oração !

E hoje, ao relembrar o nosso presente e passado,
redescobrimos que sempre fomos e seremos
apaixonados e eternos namorados !


( JP - PB - Brasil )
www.socorrinhacastro.com.br

 

sinto-me: eterna romantica
música: Passear contigo, amar e ser feliz

publicado por Alzira Macedo às 21:22
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 13 de Janeiro de 2009

Sem sentimentos, a vida seria um deserto

 

 

 

Se Não Houver Amanhã...
Elizabeth Assad 
 
 
Se não houver amanhã,
 levo comigo  a certeza de que fui feliz.
A certeza de que amei e fui amada,
 vivi cada momento intensamente.

Não me permiti,
 perder o encantamento pelas coisas ,
senti o cheiro da terra molhada,
observei o cair do dia,
 senti o sabor de um bombom,
o cheiro doce da maçã e o gosto de amor em minha boca.

Sorri sempre e jamais contive minhas emoções,
cada lágrima derramada de alegria ou tristeza vieram do coração.
Amei filhos, família, amigos, irmãos
 e  meu amor amei de paixão.

Amei as flores, a música e o vento.
Ouvi o cantar  dos pássaros, vi o bailar do beija-flor.
Ouvi as ondas do mar e sempre estive a cantar.

Senti a chuva , o calor e meu coração
gritando amor.

Se não houver amanhã, eu nada perdi,
porque com Deus sempre vivi e aprendi a amar.

 

 

 

TEMPO DE MAGIAS! II

 

 Theca Angel

 

Amanhecerá um novo tempo de magias

Um tempo em que se exaltará a poesia

Como o terno liame entre dois seres

Tempo de ocorrer mudanças aonde quiseres!

 

 

A tarde  se acaba mansa,   tímida, calada

C'os ventos a tocarem sua tez em despedida...

A noite desce mesclando-se aos teus cabelos

Peregrina, vagante entre os mais tórridos anelos!

 

 

Deixe que se perca em ti a nova madrugada...

Não suspira triste teu peito por ser amada?

Então volve teus olhos e vê a luz adiante

na alvorada brilhante que pinta o horizonte!

 

 

Que tuas fantasias acordem as esquinas...

Não seria dos sonhos o tempo de magias

A contemplar-te a face irradiando poesias?

 

 

Em teu seio febril que exala subtil pudor

Mostra que há na tua alma o lívido candor

Enquanto a saudade se desfaz em amor...

 

         

 

sinto-me: com muito sono
música: Una vida louca

publicado por Alzira Macedo às 10:03
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 76 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ousadia em sonho

. Livres para amar...

. Homens e os sentimentos.....

. Palavras que sinto...

. Eternos namorados...

. Sem sentimentos, a vida s...

.tags

. todas as tags

.favoritos

. A perfeição...

. As Contradições do Amor

. Quem serei eu

. Alzira Macedo-dueto-Sonho...

. Teu Nome

. Homem do Mar

. Amanhecer

. Somente Tu

. Um pouco sobre mim ...

SAPO Blogs

.subscrever feeds