Sábado, 21 de Janeiro de 2012

Longe de ti minha alma grita

 

 

 

 

 

 

 

 

Preciso de ti
 

 

Quem vai a este mar por mim…
Lhe dar aquele abraço que tanto necessito…
Lhe dizer, o quanto eu sinto saudades, de o ouvir bater contra os rochedos
ao me tentar dizer o quanto eu devo viver sem olhar para trás…
Com tuas ondas enfurecidas, é assim que gosto de te observar
na tua agitação, como se a minha alma fosse …
 Nasce em ti a espuma branca enraivecido,  pela minha quebra de forças
És uma miragem que me encanta mesmo distante de ti
quantas vezes em ti me perdi
quantas lagrimas em ti derramei
e logo apos um sorriso conquistei
pela tua magia, pela tua força que me fez caminhar
e os meus obstáculos enfrentar.

Só tu tens o dom de me dar vida,
 Por isso aqui choro bem longe de ti,
 As saudades que em meu peito moram e não consigo soltar
apenas um grito surdo, um eco que não saí
mundo silencioso que não atinge a minha dor
apenas tu, foste meu conquistador
do despertar, este meu amor por ti…Mar…
Quero-me novamente a ti me entregar
rejuvenescer este meu método de caminhar
sem horizontes
sem minha poesia encontrar
sem rumo ao sorriso
sem conseguir enxergar
ai mar, mar, mar
tanta saudade eu tenho de ti e te abraçar…

 

 

 

 

Alzira Macedo


 

 

sinto-me:
música: Dinis Brites "Amor secreto"

publicado por Alzira Macedo às 11:58
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 5 de Fevereiro de 2010

Sentes falta de mim...

 

 

 

Refaz-me viver…

Nesta noite selvagem
do dar e do querer
do partilhar sem pertencer
quero ser uma louca mortal
em te amar
em te pertencer
de todos os males esquecer
aquece minha alma como só tu sabes
dá vida e brilho ao meu corpo de mulher
que vai perdendo o sentido do viver
dá-me uma prova desse teu amor
Deixa-me sentir teu coração
não quero sentir apenas ilusão
quero recomeçar a acreditar
nesse amar
que tanto se fala e não se vive
nesse ninho de emoções
nessa hora de confusão
onde a alma se mistura com a razão
não quero mais viver o dia sem sol
a noite sem estrelas
O melhor de mim foi entregue a ti
devolve-me a felicidade
que tanto quis dar
que perdi no momento não vivido
não partilhado
hoje sinto saudade dessa noite de loucura
acordo tantas vezes sozinha
um calafrio entra em meu corpo
recolhendo-me pela falta desse teu amar
dessa tua presença
acho que te amo demais
enquanto a ti tanto te faz
choro na saudade que me restou
pela falta que sinto de ti
tua voz vem de longe
teu timbre já pouco ouço
vais parecendo uma miragem
que outrora me conquistou
e hoje me abandonou
quero voltar a sentir-me desejada
em teus braços me aconchegar
em teus beijos me perder
e confundir-me nos teus…
 Meus sonhos

 

 

 

Alzira Macedo

 

 

 

sinto-me: com saudades
música: vem pra cá

publicado por Alzira Macedo às 23:06
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
Sábado, 5 de Dezembro de 2009

Partilhar " O AMOR"

 

 

 

 


PARA REFLETIRMOS JUNTOS.....

Vida - É o amor existencial.

Razão - É o amor que pondera.

Estudo - É o amor que analisa.

Ciência - É o amor que investiga.

Filosofia - É o amor que pensa.

Religião - É o amor que busca a Deus.

Verdade - É o amor que eterniza.

Ideal - É o amor que se eleva.

Fé - É o amor que transcende.

Esperança - É o amor que sonha.

Caridade - É o amor que auxilia.

Fraternidade - É o amor que se expande.

Sacrifício - É o amor que se esforça.

Renúncia - É o amor que depura.

Simpatia - É o amor que sorri.

Trabalho - É o amor que constrói.

Indiferença - É o amor que se esconde.

Desespero - É o amor que se desgoverna.

Paixão - É o amor que se desequilibra.

Ciúme - É o amor que se desvaira.

Orgulho - É o amor que enlouquece.

Sensualismo - É o amor que se envenena.

Finalmente, o ódio, que julgas ser a antítese do amor, não é senão o próprio Amor que adoeceu gravemente.


(....Francisco Cândido Xavier...)

 

sinto-me: com vontade de mudar o mundo
música: Sempre que o amor me quizer

publicado por Alzira Macedo às 02:55
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 20 de Novembro de 2009

Quem me irá entender !!!

 

 

 

 

 

Mistério irresistível

 

Numa bela manha,
 O mar estava enraivecido…
Pela minha dor, pela tua falta.
 Passeei, com olhos no horizonte
Enquanto te esperava!
a chuva ia caindo lentamente,
em meu rosto,
sorri ao vento,
lágrimas ou chuva estavam a correr
me perguntei que faço aqui?
porque não,
esperar por ti…
Te aproximas-te lentamente,
com olhos baixos, sorriso maroto
fomos ao encontro um do outro
Esse desejo não iria passar
sem o experimentar…
Mistério envolve magia
desconhecimento total do que nos espera
nossos olhares, iam sendo mais demorados
num jogo sem sedução
ficamos presos ao momento
sem explicação…
Os sorrisos e boa disposição foi uma constante…
quanto mistério estará escondido
o que me dizes e mostras
é mesmo o que és…
E eu…
Serei tão segura de mim
não haverá sedução
mesmo na imaginação…
Mistério…
Culto e secreto
Esse que fica no ar…
Quem o irá entender?
Quem se irá envolver…
Na busca, no desejo, na entrega
na paixão…No mistério…
 ou coisas do coração…
ou uma mera alucinação…

 

 

 

 

Alzira Macedo

 

sinto-me: Misteriosa ou não
música: Vem me abraçar...

publicado por Alzira Macedo às 17:03
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Quarta-feira, 28 de Outubro de 2009

Palavras que sinto...

 

          

 

 

  

 

 

 

 

 É madrugada!...

Alzira Macedo

O sol nasce lentamente, sem estares presente.
Vejo-te numa janela que próprio abriste,
E sem notar de mim partiste.
Te procuro para ti quero voltar,
Sem noção de quando te vou encontrar.
Deixo-me envolver pela tua saudade,
Desejos íntimos, que me atropelam como uma tempestade.
Em meu corpo, nasce um mar repleto de versos naufragados.
De sonhos e conquistas, que foram separados.
Sem cais nem beira, no veleiro de uma paixão!
Refugio-me na âncora da razão.
Levada pelas ondas como uma pedra preciosa!
Sendo ignorada, deixa de ser valiosa.
No mar tudo é magia tudo é mistério!
Mergulho entre as ondas me sentido por ti beijada,
Com o calor do sol nascente me sinto acarinhada.
Sorrio ás ondas, turbulentas com espuma prateada.
Sinto-me intimidada diria mesmo hipnotizada.
Me deito na praia com o cansaço de te procurar,
Como se tivesse de ao mar me entregar.
Meu olhar perplexo acompanha todo este meu navegar,
Remando com todas as forças sem te encontrar.
O murmúrio do vento, me pergunta onde estarás?
Afogada no mistério da solidão, sem saber onde,
Respondo!
Bem alem do horizonte.
 
 
 

 


Resposta do meu amigo sonhosolitario
que me contracenou em poema…
obrigado amigo gostei…

 

 

 

 

 

Palavras Sentidas
Com o teu fraco coração
Transmitindo
O sonho e muita Paixão
...
Refugias-te longe de um porto
Com as tuas fracas âncoras
No envolver da saudade
Na esperança de boas novas
Para nesse porto entrar
...
Esse teu corpo
Se envolve com o oceano
Quando está suave doce e calmo
Depois das doces conquistas
Do veleiro da paixão
Que é levado pela corrente
Da do sentimento e paixão
...
Jamais serás ignorada
És muito valiosa e prendada
Tens a magia do mistério
Da onda por ti beijada
...
Hipnotizada pelo sol
Te sentes bem apadrinhada
E pelos raios ficas
Louvada
Na magia prateada
Sentes-te mesmo
Hipnotizada
...
Tens no teu olhar Camarada
De uma tripulação
Por ti sonhada
Entre o vento
O sol
E o romper da alvorada
Perguntas pelo teu amor
Mas eles não sabem de nada
...
No mistério da solidão
Nunca vais esquecer
Esse teu amor
Porque só ele tem
A chave do teu
Coração...

 

 

                                                                                          Sonhosolitario

sinto-me: apaixonada pela vida e...
música: KLB... Ela não está aqui

publicado por Alzira Macedo às 12:54
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 76 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Longe de ti minha alma gr...

. Sentes falta de mim...

. Partilhar " O AMOR"

. Quem me irá entender !!!

. Palavras que sinto...

.tags

. todas as tags

.favoritos

. A perfeição...

. As Contradições do Amor

. Quem serei eu

. Alzira Macedo-dueto-Sonho...

. Teu Nome

. Homem do Mar

. Amanhecer

. Somente Tu

. Um pouco sobre mim ...

SAPO Blogs

.subscrever feeds