Sexta-feira, 20 de Novembro de 2009

Quem me irá entender !!!

 

 

 

 

 

Mistério irresistível

 

Numa bela manha,
 O mar estava enraivecido…
Pela minha dor, pela tua falta.
 Passeei, com olhos no horizonte
Enquanto te esperava!
a chuva ia caindo lentamente,
em meu rosto,
sorri ao vento,
lágrimas ou chuva estavam a correr
me perguntei que faço aqui?
porque não,
esperar por ti…
Te aproximas-te lentamente,
com olhos baixos, sorriso maroto
fomos ao encontro um do outro
Esse desejo não iria passar
sem o experimentar…
Mistério envolve magia
desconhecimento total do que nos espera
nossos olhares, iam sendo mais demorados
num jogo sem sedução
ficamos presos ao momento
sem explicação…
Os sorrisos e boa disposição foi uma constante…
quanto mistério estará escondido
o que me dizes e mostras
é mesmo o que és…
E eu…
Serei tão segura de mim
não haverá sedução
mesmo na imaginação…
Mistério…
Culto e secreto
Esse que fica no ar…
Quem o irá entender?
Quem se irá envolver…
Na busca, no desejo, na entrega
na paixão…No mistério…
 ou coisas do coração…
ou uma mera alucinação…

 

 

 

 

Alzira Macedo

 

sinto-me: Misteriosa ou não
música: Vem me abraçar...

publicado por Alzira Macedo às 17:03
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Sexta-feira, 13 de Novembro de 2009

O SOM DA NOITE...

 

 

Devaneios na noite só e fria·

Quando me deito, em nada quero pensar
vens tu bater á minha porta….
Sonolenta,
sinto que nem nos sonhos,
te quero recordar…
Vens de mansinho, depois de teres partido
me deixando a sofrer
uma paixão sem cura
por causa dela, foste sem um adeus
agora já não te sinto
já não me mereces
sinto o meu coração abandonado
por ti despedaçado
não deixo que lá entrem
foste minha loucura
minha miragem
minha sepultura
como um sonho eu revivo
o dia em que  me entreguei
aos prazeres dessa loucura
sentimento de solidão  senti
porque já não eras meu
eras pássaro volátil ·
voas-te, sem jamais  aparecer
tuas doces carícias me deixaste  em recordação
tiveste  o dom de me deixar sem fôlego no coração
mas que adiantou…
 Se ela foi a vencedora e não eu
não voltes aos meus sonhos…
não quero mais sofrer pela manhã
acordar sozinha, no frio do abandono
no desencontro da nossa recordação
que nunca foi amor, nem paixão
uma mera ilusão…
Uma mera fantasia
de mais uma noite só e fria

 

 

Alzira Macedo

 

sinto-me: Sem comentario
música: guitarra toca baixinho

publicado por Alzira Macedo às 08:46
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 5 de Novembro de 2009

Doces recordações pela manha...

 

Ontem...Hoje...E o amanha...

 

Em nossas vidas nada, é coincidência…
tudo é premeditado, ou providenciado
pelo tempo ou pelas pessoas
pelos sonhos, pelas ilusões,
pelos acontecimentos
Ou mesmo pelas recordações

O tempo encarrega-se de apagar
um rosto, um corpo
Mas nunca a lembrança
de quem soube fazer
 de um pequeno momento
uma grande recordação

Um dia…
 em algum lugar
nos iremos reencontrar
perdoa-me se uma lágrima
teimar em sair
será a explosão
da saudade contida
do desejo sentido
e da alegria em te ver
recordando momentos de prazer

Vivo no ontem
no momento de felicidade
á espera do amanha
porque hoje…
 vivo na recordação
Ao acordar pela manha
 abri a janela do meu quarto
tudo vive calmo e sereno lá fora
uma brisa suave que faz baloiçar
 as arvores as flores
faz amor
com as pedras da rua
com a natureza…
baloiça meus cabelos e sussurra-me
Ao ouvido
belas palavras do vivido
do acontecimento
me dizendo baixinho
não deixes ficar no esquecimento


Busco a felicidade, no mais profundo da minha alma
encontro…
Serenidade, paz e harmonia
prometendo-me sorrir prá vida...

 

 

Alzira Macedo

 

sinto-me: mo meu "Momento poetico"
música: Eu esqueci de lembrar de mim...

publicado por Alzira Macedo às 09:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sábado, 31 de Outubro de 2009

Noite de Luar...

 

 

 

 

Noite magica…

Hoje a noite está magnifica...
todos meus sentidos e desejos estão em alerta
cheiro teu perfume, que flutua com o vento
senti a sensação de desvairar e pairar no ar
de contigo sonhar
A lua está a sorrir!!!
Reflecte teu rosto,  marcado pelo amor
 teu senso de humor, em todo esplendor
faz-me lembrar, teus olhos cativantes
acendendo a chama do desejo a cada instante
A vontade de te acariciar
sinto em mim despertar
vontade de todo prazer contigo partilhar
poder,  sem pudor te amar
dizem...
 Ser sonhadora, sem nada conhecer
de que me vale tudo isso,
se nada quero saber...
Apenas quero te pertencer
 poucos, tem o privilegio de me entender
terei toda a noite para te corresponder
do anoitecer, ao amanhecer
entregar meu futuro em tuas mãos,
a tradução do meu coração
que diz ...
Vive essa paixão
sem amanha, sem ilusão
apenas uma noite magica, sem explicação
será que sei o que é amar
não sei….
Estarei vulnerável, pela indelicadeza do tempo
que quero, desejo...
 E não tenho
não sei..
Mas sei que te quero
sem rodeio, sem medo
do amanha, do depois..
Porque este amor é de nós os dois

Alzira Macedo

 

sinto-me: feliz, apaixonada, amada
música: Eu te amo demais

publicado por Alzira Macedo às 20:54
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Terça-feira, 13 de Outubro de 2009

Palavras ao Vento

 

 

 

Saí do trabalho um pouco mais cedo do que o costume…
Estava ansiosa por sair respirar o ar livre,
Pois tinha estado fechada durante 12h no turno da noite…
O dia nascia e comigo a vontade de caminhar á beira mar…
Mas ainda fui tomar o café com as colegas de serviço
deu tempo suficiente, para ter umas conversas simpaticas e umas boa rizadas…
A brisa da manha fazia com que meus cabelos voassem,  de um lado para o outro.
Peguei no meu carro e desci a avenida direcção ao mar…
tava lindo e implacavel…
Sempre dominador do tempo e do momento…
Algumas pessoas já faziam caminhadas…
Eu solitaria, sorri e coloquei os auriculares para ouvir musica…
comecei a caminhar respirando o bom ar para os pulmoes,
contagiada pela dança do mar fui marchando
fui olhando a meu redor,  vi uma jovem sentada á beira mar
e fui pensando…


Palavras ao Vento… 

 

Era uma garota, que como eu…
acreditava na vida plenamente…
traçava seu destino pelo instinto…
rezava pelo dia do amanhã…

 

E…

 

Como tantos, entre deveres e obrigações, ainda…
sonhava por um mundo melhor…
engoli as lágrimas das horas difíceis…

 

Mas…

 

A vida não para e ela continua…
a lutar por um mundo digno…
na batalha, ia conversar com o mar
sobrevivendo e desejando tudo ultrapassar

 

E…

 

continuei marchando
De sorriso nos labios
com vontade de ao mar me entregar
podendo novos mundos conquistar
Sei que tenho de ficar
pois só foram pensamentos ao vento
Prometo lá voltar
para mais jovialidade respirar…

 

Mesmo…

 

Sendo Devaneios
Já alguem assim dizia…


Tudo vale a pena, quando a alma não é pequena…

 

 

 

Alzira Macedo

 

 

 

sinto-me: A Devanear
música: um coração sozinho

publicado por Alzira Macedo às 18:52
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quinta-feira, 17 de Setembro de 2009

"Assim sou eu"

 

 

Foto de Alzira Macedo

 

 

 

Assim sou eu!


Certo dia,
algumas palavras me vieram á mente.
Fui as apontando!!!
E as frases iam desfilando…
Ao verificar, lia uma poesia,
De sonhos, amor e fantasia.
Falava de sentimentos humanos,
Que todo sentido fazia.
Assim sou eu!!!
 Assim sois vós,
Numa sádica procura, no tempo que nos foz.
Sou poeta das letras simples,
Sem curso nem aprendizagem.
Vivo em busca de uma miragem.
No deserto de uma paixão,
De quem me dei-a a mão.
Sinto necessidade de rimar,
Levar-vos aos extremos e vos fazer sonhar.
Se conseguir o que pretendo.
Abrirei asas ao meu coração!
Continuarei a escrever,
até desvanecer minha imaginação.
Trago comigo a missão da humildade,
Levar aos vossos corações a caridade.
Se é um dom?
Desejo que nunca se acabe.

 

 

Autor (Alzira Macedo)

 

 

 

sinto-me: apaixonada pela vida
música: A gaivota

publicado por Alzira Macedo às 10:30
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 74 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Sonho ou Realidade...

. Um esboço

. Imaginação poderosa.

. Frazes ditas

. Poisando nas palavras...

. Mais uma etapa da vida

. Perdida no tempo

. EM ALGUM LUGAR DO PASSADO...

. Lavei a alma de palavras

. Momentos presentes...

. Escrava do teu ser...

. Mulher, Amiga

. Penso e tu?

. Sentes falta de mim...

. Perdida andei...

. holograma meu...

. Ousadia em sonho

. Natal do passado...

. Sinto e quero sentir...

. Para sentir...

.tags

. todas as tags

.favoritos

. A perfeição...

. As Contradições do Amor

. Quem serei eu

. Alzira Macedo-dueto-Sonho...

. Teu Nome

. Homem do Mar

. Amanhecer

. Somente Tu

. Um pouco sobre mim ...

SAPO Blogs

.subscrever feeds