Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2009

Solidaria...

 

 

 

 

 

Tempo de alegrias

 

O Natal vai chegando

Com ele essa sensação de

Que o mundo se transforma

Aos poucos.

 

Os projectos vão aparecendo,

As casas iluminam-se,

Tornam-se coloridas e belas.

 

Dentro do coração a esperança

Adormecida acorda devagarinho

E toma forma,

Alimentando assim o desejo

De que um milagre aconteça

E traga os sonhos perdidos ou a

Felicidade esperada.

 

As pessoas tornam-se mais

Dóceis e fala-se em

Solidariedade.

 

E Jesus,

Muitas vezes esquecido,

Renasce.

 

Quem duvida do milagre

Do Natal deveria abrir

Mais os olhos,

Porque fazer um milagre não

É realizar grandes

E extraordinários feitos,

Mas devolver a esperança aos cansados,

A alegria à alma aflita

E um pouco de ternura a um

Coração desesperado.

 

Quem divide um pedaço de

Pão com um faminto,

Agasalha alguém que sente

Frio e traz um pouco de luz

Aos que perderam o direito

À luz do dia,

Alimenta e veste o Mestre

E habita Seu coração.

 

Aí sim está o milagre de toda

A magia do Natal.

 

Sendo humanos,

Tornamo-nos seres de luz

Capazes de iluminar

O mundo.

 

Pudesse essa magia

Perdurar o ano todo,

Haveria mais flores nos campos

E mais sorrisos nos rostos;

Haveria mais olhos brilhando

E menos doenças da alma.

E o mundo seria

Uma imensa família,

Exactamente como

Deus idealizou.

 

Pense nisso,

Tenha um Feliz Natal e faça

Feliz o Natal de alguém!

 

* * * * *

 

TEXTO: Letícia Thompson

 

sinto-me: com esperança
música: Toca o sino

publicado por Alzira Macedo às 08:13
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De 100timento a 21 de Dezembro de 2009 às 18:06

A neve chegou, e com ela parou-se a vida. Tempo de meditação, suspenso no ar frio da manhã que se avizinha. Cessaram os ruídos e tudo lá fora adormeceu. Saio do casulo, deixo o corpo para caminhar sobre a terra gelada. De alma solta deixo o vento envolver-me e transportar-me por entre os galhos despidos das árvores.

Ao longe o fumo quente solta-se da chaminé duma cabana perdida na floresta. O rio, quase gelado serpenteia por entre vales e do céu toldado de nuvens desprendem-se flocos de neve. Sente-se a paz, a tranquilidade deste suave amanhecer, a alma repousa das agruras da vida embalada por este momento. Escuta-se ao longe os sinos a anunciarem as cerimónias, e aqui no alto da serra o silêncio voltou a instalar-se.

É Natal, e por instantes descubro a verdadeira essência deste tempo, ao ver-me de novo menino, na inocência de um corpo jovial, mente virgem, sentimentos puros, aguardando com frenesim pela prenda desejada, pela felicidade de estar em família, pelo prazer de partilhar o carinho, de alegrar a alma, confortar o corpo no calor ameno da minha pequena casa.

Nesta pausa, entre um ano e o outro, desejo-vos a vontade de ser outra vez crianças, encarar o mundo com a inocência de outros tempos, para assim entender melhor a essência deste tempo, perceber porque se nasce agora.
Bom Natal
Beijinhos


De Alzira Macedo a 7 de Janeiro de 2010 às 23:11
Amigo Rui...

Desculpa este meu atraso...
com erros ou sem eles, sou ser humanom prometi responder a todos os carinhos aqui deixados entao vim...
Nesta noite de mansinha dizer-te que não passas-te despercebido...
Obrigado pela tua existencia em minha vida...
beijocas doces


De Lynce a 21 de Dezembro de 2009 às 18:43
Palavras para quê? Adorei este post, amiga.
:)))


De Alzira Macedo a 7 de Janeiro de 2010 às 23:14
Oi Lynce

Amigo desculpa minha ausencia...
estes ultimos tempos tem sido uma maratona para mim...
Mas tua passagem aqui não ficou sem sentido...
Obrigado pelo carinho espero que tivesses passado boas festas...
estive fora da net um tempo, agora tentando organiozar o meu atrazo...
E depois vou indo de casa em casa visitando o que de belo tens escrito...
bjs


De Lynce a 11 de Janeiro de 2010 às 10:13
Ok, Alzira, tambem eu tenho tido uma grande carga de trabalho. Este inicio de ano tem sido terrivel nesse aspecto, mas ainda bem que assim é!
Desejo-te um excelente ano de 2010!
Beijinhos em ti!
:))


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 76 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Recuso-me aceitar

. Mais um amanhecer

. Que dia é hoje???

. Aprenda a falar Alentejan...

. Sonho ou Realidade...

. Um esboço

. Imaginação poderosa.

. Frazes ditas

. Passei somente para dizer

. Poisando nas palavras...

. Mais uma etapa da vida

. Perdida no tempo

. As fazes da lua,,,

. Se não sabe fica a saber....

. Amor é tudo isto e muito ...

. EM ALGUM LUGAR DO PASSADO...

. Aqui estou

. Longe de ti minha alma gr...

. Bom 2012

. Senti vossa falta

.tags

. todas as tags

.favoritos

. A perfeição...

. As Contradições do Amor

. Quem serei eu

. Alzira Macedo-dueto-Sonho...

. Teu Nome

. Homem do Mar

. Amanhecer

. Somente Tu

. Um pouco sobre mim ...

SAPO Blogs

.subscrever feeds