Sexta-feira, 30 de Maio de 2008

Dia mundial da criança

 

Aproxima-se o dia da criança,

Nos infantarios, escolas e outros agrupamentos estao a preparar festas para festejarem o dia da criança...
Fico feliz por tomarem essas decisoes, os pais preocupados em darem o seu melhor e ajudarem no que podem para que esse dia seja uma alegria .
Escrevi alguns poemas sobre esse dia a pedido de alguns amigos para poderem recitar na escola o que fiz com muito gosto...
Depois caí na realidade e pensei no que nos rodeia...
Comercio, sim isso é tudo uma questao de comercio.

 

 

    

 

 

Mas o dia da criança devia ser todos os dias e de todas as crianças.
Mas não é...
Este mundo de maravilhas e assombros ainda tem muito com que se envergonhar! Isto podia não acontecer! Era possível! Mas a realidade é bem diferente e a vergonha, a revolta, a vontade devia ser de todos! Mas que podemos nós ( pessoas comuns ) fazer?... Pouco...
Mas podemos falar, lembrar, gritar! E podemos ajudar e toda a ajuda conta... Mas... Geralmente são as figuras públicas a fazerem os apelos, mas não deveria ser o contrário? Eu como cidadã comum apelo a todos os que o podem realmente fazer a diferença: Vocês que têm muito, distribuam algum, ajudem, vão ver que não doi nada!

 

 

 

 

      

 

"Este filho podia ser meu, ou teu"

Ser criança

Somos semente chamada amor
nascemos do sorriso de nossa mãe
partilhado, num momento de dor
damos momentos de magia, com nossa inocência
partilhamos vosso sorriso de felicidade.
somos,  vosso orgulho, vossa vaidade
Trazemos em nossa  alma, pureza e poesia
vibramos de emoção que contagia
em nossas  mãos depositam a confiança
Para um mundo melhor construir
e da felicidade usufruir
Ser responsável, foi  o que nos ensinaste
hoje brincalhões  e irreverentes
o jardim de infância iremos deixar
para a escola vamos entrar
aprender ,o que mais tarde deveremos  ensinar
dos amigos  e educadores, com  saudades nos iremos lembrar
ao percorrer  a faculdade da vida
 e nossa meta  conquistar
Pais, vosso carinho temos  de agradecer
por nos ajudares a crescer
ser criança não é fácil
transportamos o peso dos nossos e vossos sonhos
ser criança é ser esperança…

 

Alzira Macedo

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: Triste pela injustiça e egoism
música: Sonho de menino...

publicado por Alzira Macedo às 20:31
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 26 de Maio de 2008

Peregrinação em laundos (Nossa senhora da Saúde)

 

 

Ontem dia 25 de Maio foi um grande dia para Laúndos...

 

Eram 6h45 quando amigos meus de Famalicão chegaram a minha casa depois dos bons dias e uns minutos á espera pelo meu irmao e cunhada lá começamos a marchar
Eu ia feliz e sorridente acompanhada pela minha filhota que quiz participar nesta "caminhada espiritual" como eu lhe chamo...
Se bem se lembram de um poste anterior eu ter dito que Laundos dissse Adeus a nossa senhora da saude... Ela foi ser peregrina e emigrante durante 15 dias para a cidade vizinha Povoa de Varzim...
E anualmente desde 1945 peregrinos de Laundos e de todas as aldeias e cidades vizinhas, se poem a caminho para ir buscar a nossa Senhora da Saúde á Povoa de Varzim a pé e trazerem-na para casa Laúndos...
Eu tambem fiz questão em lá ir a pé e regressar a pé com um grupinho de amigos e familiares...

Durante a semana andávamos preocupados com o tempo pois todos os dias chovia e para fazer essa caminhada não era aconselhável chover.
Como a natureza só faz o que bem entende, só nos restava preparar-nos para todo o tempo que fizesse.
Ainda no sábado todo o dia choveu, enfim preparar roupa de marcha confortável e não esquecer os guardas chuvas…
A distância de Laúndos para a Povoa são á volta de 8km.
Eram 6h50 começamos a descer a Avenida da nossa senhora da Saúde, nessa altura ainda não chovia, então lá íamos relaxados e pela frescura da manha de Domingo.
No nosso trajecto encontramos outros grupos de peregrinos uns iam para lá assim como nós e outros já vinham de Povoa para cá (Laúndos).
Meus amigos que não são da Aldeia perguntaram (eles estão enganados vem ao contrario)
ao qual respondi que não, eles vem sem a Senhora porque querem guardar lugar no terreiro para assistirem á missa campal e á chegada da Senhora, portada aos ombros de 6 jovens nesse percurso de 8km…
Vem cedo porque na hora da chegada não haverá lugar para tanta gente, na pequena Aldeia de Laúndos, neste dia chegam milhares de peregrinos não há espaço para tanta gente as ruas estão carregadas de pessoas que fazem esse retiro espiritual pela fé e devoção que tem á senhora da saúde outros vem cumprir promessas…
È sem duvida um dia importante para Laundos e seu povo, Dizem que a fé faz mover montanhas e é verdade…
Vamos buscar forças onde não sabemos que elas existem.
eram 8h10 minutos estávamos na Povoa de Varzim fomos tomar o pequeno almoço (recarregar energias) dirigimo-nos para a Igreja Matriz onde nossa senhora lá estava e de lá sairia ás 9h…
A multidao já se fazia sentir, e chegavam cada vez mais pessoas, as ruas cheias todo o longo da estrada se juntavam pessoas para se colocarem na procissão á passagem da senhora e a acompanhariam a pé até Laundos…
No chão podiam-se ver e sentir o cheiro de lindos tapetes de flores com imagens e mensagens á nossa senhora que foram preparados durante a noite…
e de manha desenhados na rua…
o coração palpitava a emoção uma constante em toda a manha…
Às 9 horas a senhora era transportada para a rua a peregrinação começou a multidão mandava flores á senhora na sua passagem e se juntavam á procissão as ruas começaram a encher-se com a multidão… Os carros deixaram de circular e o povo invadiu a estrada nacional da Povoa até Laúndos  
o percurso foi feito com cânticos religiosos, com orações e rezando o terço eu vinha de mão dada com minha filha vestida de escuta…ela trazia o terço na mão e rezava feliz e sorridente foi um momento único e emocionante a ver assim para mim em como mãe…
Meus filhos gémeos pertencem ao grupo de escutas de Laundos e tiveram uma missão  nessa procissão que era fazer o cordão humano todo o longo do andor da senhora e depois ajudando durante o dia em Laundos na missa campal.
Quando chegamos a Laúndos com a senhora, vínhamos cansados de ter percorrido os 16km a pé mas felizes por ter feito, trazíamos a senhora de volta a casa a multidão que já lá estava á espera aplaudia a senhora choravam com emoção lenços brancos se viam no ar e o sol brilhava,,, (Só visto mesmo)
Laúndos ficou inundado com a multidão que não parava de chegar a avenida e o terreiro se tornaram pequenos então começaram a espalharem-se pelas ruas e Laúndos estava em festa.
Depois da missa campal, as famílias se juntaram e foram almoçar o mesmo aconteceu com a minha, nos juntamos todos, amigos meus e família para o almoço simpático e animado…

Telefonemas chegavam de todos os países onde meus irmãos estão a viver para saberem como estava a decorrer o dia tão importante para nós e era a forma de se sentirem em casa também…
às 16horas havia no terreiro o terço em homenagem de nossa Senhora da saúde assim como o Adeus …
Vão me perguntar adeus porquê se ela regressou a casa?
Adeus sim, todos os peregrinos que não eram de Laúndos diziam Adeus a nossa senhora porque iriam eles agora para suas casas…
na Hora do Adeus, foi feita uma solta de pombos brancos (Símbolo da paz) e o andor da senhora foi transportado para dentro da capela os lenços brancos no ar agora eram mais do que muitos, a musica do Adeus foi cantada as lágrimas essas  não conseguiram serem controladas e derramaram…
Eu também não resisti e chorei, não me perguntem porquê apenas senti necessidade de o fazer e não conseguia parar… Dia muito emocionante mesmo, pouco depois já quando as pessoas se dirigiam para suas casas o vento se levantou levemente e anunciava a chegada do fim do dia sem chuva, Fantástico passamos um dia lindo em todos os aspectos assim foi o meu retiro espiritual…
há outro pormenores que aconteceram bem lindos que não posso nem devo cá descrever é muito intimo muito familiar, mas penso que consegui transmitir aqui um pouco da emoção que vivemos no dia de ontem em Laúndos…
Vou ainda ver se consigo tirar uma foto ao tapete enorme de flores que o povo de Laúndos fizeram dentro da igreja em homenagem ao dia da família que foi o tema desta procissão

“Senhora da saúde rainha da família”

 

 

 

hoje no momento em que estou a escrever estou dourida as pernas sentem-se um pouco cansadas e lá fora chove torrencialmente o tempo tá escuro... 
Sinceramente, penso que dá para reflectir....

 

 

Alzira Macedo

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: bem.... tou sentada ahahaha

publicado por Alzira Macedo às 09:09
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 20 de Maio de 2008

Será melhor do lado de lá

 

 

Encontrei este dueto que adorei, pois todos nós sabemos que um dia teremos de deixar esta vida e partir para outra...
Então resta-nos o desconhecimento e a incerteza....
do que será do lado de lá...


              

 

 

CANSADA DO LADO DE CÁ
 
MARLY CALDAS
 
 
Está tudo tão mal arrumado
A vida tão desrespeitada
O mundo desequilibrado
Vou tentar o lado de lá
Quem sabe se não tem muito verde
Riachos...colinas... e mar
Gente amável e gentil
Vou atravessar o arco-íris
Sem trocar de sexo
Pois gosto de ser mulher
E se lá a Paz encontrar
Mando um recado
E quem quiser
Pode ir para lá me encontrar..

 

 

O CHAMADO...
 
MARISE RIBEIRO

 

 
Quando atravessares o arco-íris,
ouve os riachos,
diz-me se eles cantam,
observa a direção
do vôo dos pássaros,
vê se estão em migração
ou se arrulham alvoroçados...
Namora o céu à noite,
repara se as estrelas
têm intenso brilho,
se a lua se mostra soberana
prateando o nirvana...
Sente o cheiro do mato,
brinca com os beija-flores,
purifica-te na chuva benta,
dança com os raios de sol,
quando eles desmaiarem no arrebol...
E então me chama...
Corro para atravessá-lo sem demora,
mas se eu virar homem
a nova realidade aceitarei,
pois enfim chegado terei
onde a Paz mora...
 
 

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: Pensativa

publicado por Alzira Macedo às 13:53
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 16 de Maio de 2008

Como enfrentar a vida....

 

 

 

Uma história que não é historia….

Tento procurar as palavras certas mas não encontro, será destino, má sorte ou contingências da vida…

Conheço alguém que é uma lutadora por natureza, sobreviveu ao, tão temerosos cancro do colo…
Depois de uma luta árdua, de ter entrado em coma, sido operada 13 vezes, casa de repouso consultas de psiquiatria, e ter feito um pacto com Deus, como ela assim o diz…
Pediu para a deixar sobreviver ao cancro para poder deixar criar seus filhos….
E assim que eles estivessem orientados na vida então sim podia a levar porque estaria preparada…
dedicou-se á área da saúde tentando ajudar quem nada nem ninguém tem, dando sempre o seu carinho a sua força…
E acontece que após um acidente de trabalho, para ajudar quem necessitava lesionou-se, com uma rotura muscular e uma contracção muscular…
a recuperação não foi fácil, ficou mês e meio sem conseguir caminhar normalmente, e depois com muito custo e garra foi andando tentando melhorar….
Acontece que o sorriso estava sempre presente, embora os mais chegados notassem que havia muita revolta e agressividade, mas desculpava-se sempre com o trabalho e a depressão de ter parado durante 3 meses o seu trabalho, que era o que a fazia viver e se sentir útil….
Amar o próximo e dar o que nunca tinha recebido, amizade, carinho e compreensão…
a gota de agua chega quando depois de vários exames langorosos, dolorosos e por vezes enervantes de se ter de aguentar no hospital durante varias horas e varias posições, por vezes envergonhada…
Quando estava preparada a  desistir e querer voltar á normalidade a sentença chegou….
O médico diz que o acidente apenas chegou para mostrar o que já tinha sem saber….
Quer dizer ainda bem que teve o acidente, ou infelizmente que o teve….
Porque assim ficou a saber o que por vezes ninguém gosta de saber….
Tem o ultimo elo da coluna perto da anca (Bacia) completamente desaparecido…
com isso implica!
Proibição completa de trabalhar na área da saúde, de pegar pesos
Que horror que é o que mais ama na vida é dedicar-se ao próximo….
O pior ainda não chegou, caso assim não faça está sujeita a ficar bloqueada da sinta para baixo…
a segunda sentença depois de um exame nuclear a sentença é de que as articulações ósseas estão a desfazerem-se (Osteoporose)
má sorte ou maldição, é apenas o que reclama seu coração….
Sabe que tem de lutar, que tem de vencer, que tem de se cuidar…
Mas tudo isto não é apenas falar, mas sim sentir novamente o peso da luta.
 Venceu o cancro mas esse malandro deixa marcas e não as mais simples, ele persegue-a faça ela o que fizer….
Ele nunca a vai esquecer…
perguntando o que ela pensa de tudo isto…
diz sorrindo e chorando, sou filha da terra …
da terra nasci, nela cresci e nela me apagarei, mas nunca sem deixar de lutar e de sorrir…
é dolorosos sentir que a vida nos quer fugir, e nós tentamos a seguir…
Um dia me cansarei e apagarei…
Deixando no entanto a mensagem de que a vida é bela devemos aproveitar cada instante
devemos dar prioridades á vida vive-la cada instante cada momento…
e se um dia me for, que fique algo de mim, não preciso de nome nem de homenagens…
Mas do respeito e do carinho de quem tanto acarinhei….

È com estas palavras da pessoa em questão que deixo este poste e um momento de reflexão…

(Pensem com enfrentar e viver a vida)

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2

publicado por Alzira Macedo às 21:42
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 13 de Maio de 2008

13 de Maio em Laúndos

 

  Laúndos disse Adeus

 

 

Hoje foi um dia muito especial para mim em como catolica, para meus familiares e para os Lanutenses.

 

Foi hoje dia 13 de Maio que dissemos Adeus á nossa senhora da saúde, Mãe do céu e mãe de todas as mães da terra…
como já referenciei no meu outro blog hoje foi um dia de muita emoção e fé…
Vivo numa pequena aldeia chamada, Laúndos.  Ao chegar do emprego ouvia nos altifalantes
Musica a nossa senhora, com seus tons suaves e palavras que nos enche a alma.
Necessitamos dessas doces palavras que como magia nos acalma, sentimos uma paz interior quando somos acompanhados pela presença da virgem Maria…
ao chegar a casa então falei a meus filhos que hoje diríamos Adeus á mãe do Ceu, como meus filhos nasceram no estrangeiro não estão a par de tudo o que acontece e do porquê.
Embora eu sempre tentei incutir as nossas raízes e tradições, mesmo não vivendo no nosso país…
Sentia essa responsabilidade em como mãe de educar os meus filhos com a base da boa educação que recebi dos meus pais.
Então as perguntas foram mais do que nunca, ao explicar senti que meus filhos sorriam estavam a ser contagiados pela minha alegria e emoção…
Enquanto meus filhos mais novos me ajudavam nas preparações da casa, o meu filho mais velhos saiu de casa e quando chegou trazia um saco cheio de pétalas de rosas brancas…
Em conjunto fomos á missa da aldeia…
Ao entrar senti-me invadida por um sentimento que não consegui distinguir, olhei para o altar onde nossa senhora estava linda, com os arranjos de flores esplêndidos.
O coro da aldeia esmerou-se com as músicas…
o pároco celebrou a musica falando o quanto devíamos ser cautelosos na educação espiritual dos nossos filhos…
ao terminar a missa todos os Lanutenses se apressaram a sair da igreja para se colocarem em sitio bem visível no nosso terreiro…
A natureza nos mimou muito porque Laúndos é magnifico, e o trabalho dos homens tem ajudado a que sintamos orgulho na nossa aldeia digna de ser vizitada por gente de muitos lugares mesmo estrangeiros…
no fundo do pequeno escadório , estava lá o carro dos bombeiros da Povoa de Varzim que esperava a nossa senhora para a levar até á cidade… (Cerca de 7km)
A multidão era muita, a senhora finalmente sai da igreja carregada aos ombros dos homens de Laúndos e foi colocada no carro de bombeiros…
Ao passar pela multidão era uma chuva de pétalas de rosas lançada pela multidão cantando

“De vós me aparto ó virgem
eis o grito de dor
que solta ao despedir-se
o pobre pecador

Uma prece final
 ao deixar-vos mãe de deus
Viva sempre em minha alma
este grito imortal
ò virgem mãe Adeus
Virgem mãe Adeus

E foi ao som desta musica e palavras profundas que dissemos  Adeus á virgem Maria “ Nossa senhora da Saúde”
Os Bombeiros a levaram devagar pelas ruas da aldeia acompanhada pelos carros dos Lanutenses que quiseram estar presentes até a nova morada da nossa senhora da Saúde
“A matriz da Povoa de Varzim”,  onde as aldeias vizinhas se juntaram á passagem e a levaram sempre acompanhada até á Matriz, que vai permanecer lá até ao próximo dia 25 de Maio.
Nesse dia iremos percorrer a distancia que nos separa (7km) a pé para a ir buscar de novo e a trazer novamente para casa “Laúndos”
já fiz isso o ano passado e farei novamente este ano, é um grande dia para Laúndos a peregrinação anual onde junta milhares de peregrinos nesse dia de fé…
para quem já conhece estaremos presentes nesse dia e para quem não conhece pode se juntar pois não se irão arrepender…

 

Aqui podem ver algumas imagens da minha aldeia Laundos...

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2

publicado por Alzira Macedo às 22:18
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
 O que é? |  O que é?
Domingo, 11 de Maio de 2008

Ponto, ou virgula?

 

 

 

 

 

           Quando a saudade existe….

 

A saudade aparece quando menos esperamos
Invade a alma, o tempo, sem a procurarmos
Instala-se suavemente como a lua se deita
não escolhe hora ou lugar
ela vem para ficar
é saudade do passado, das amizades, da vida vivida e não volta
consegue te magoar com sua revolta
Mas se ela existe a saudade
é porque existem sentimentos acentuados pela gravidade
do momento do presente
e do vazio que a gente sente
È a prova certificada de que o vazio está presente
dos momentos passados das pessoas que vieram e partiram
deixando-nos saudades e sozinhos
são as partidas que os amigos pregam ao nosso coração
caímos na armadilha de bom anfitrião
que iremos fazer com este vazio então
viver todos os momentos proibidos
todos os momentos vividos
nunca deixar o que um dia nos irá perseguir
porque a saudade…
Essa, não vai desistir
Irá te lembrar para a eternidade
o quanto somos pobres na realidade
pobres de viver, de sorrir, de aproveitar o momento
queremos passar a vida a correr
e por fim nos resta a saudade para reviver…

 

 

Alzira Macedo

 

 

Hoje domingo, nao vou reviver, mas sim viver este dia em maravilha...
Convido-vos a que passem um optimo domingo e sorriem muito
A felicidade de viver e gozar a vida tá dentro de cada um de nós...
beijos

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: com vontade de gozar um bom do
música: Carrusso - Lucio Dalla

publicado por Alzira Macedo às 08:50
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 7 de Maio de 2008

SUCUMBI Á NOSTALGIA



Escritos

 

Meus escritos, minha paixão,
em ti deposito tudo quanto trago no coração
Hoje sucumbo á nostalgia
momentos tristes e alma vazia
é assim que me sinto todo dia
Necessito desabafar
sei que não vão gostar
Mas quem sou eu, para simplesmente sorrir
se a vida teima em não florir
È passageiro me vão dizer
eu, conserteza irei opinar
quando esta dor passar
agora e no momento não consigo concordar
trago o peso da dor que quer desabrochar
deixem minha dor se soltar
sem sequer tentar me confortar
nada, nem ninguém consegue entender
o que não sabemos esclarecer
fantasia ou real?
Sei apenas que me sinto mal
gostam do meu sorriso da minha forma de ser
Mas não tentam sequer me compreender
Também me esforço em vos dizer
que amanha é um novo amanhecer
vou esperar por ele, para melhor me entender
Haverá salvação!!!
Para este meu pobre coração
que sofre, e sempre a dizer que não
Felizmente sou humana
sinto na pele toda a dor quotidiana
Estas são palavras de uma mulher que tudo sente e tudo ama

Alzira Macedo
07/05/08


 

 

 


"Como a poesia, a música retrata os estados da alma e as ondulações do coração, e concretiza os pensamentos invisíveis, e descreve o que há de mais belo nos desejos e sensações do corpo.

"Khalil Gibran)

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: prefiro nem comentar
música: Porque te vas - Jeanette

publicado por Alzira Macedo às 21:24
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
 O que é? |  O que é?
Domingo, 4 de Maio de 2008

Dia da Mae

 

 

 

Já muitos de vocês sabem como nasceu o dia da mãe na história do povo e o porquê…
por isso vou deixar essa parte da história e adiantar o que me vai na alma
Ser mãe é um privilégio divino, é dar ao mundo mais mães, mais pais, mais vida ao mundo.
Também é saber ser responsável, educar o nosso fruto da melhor forma possível para que eles possam saber dar o devido valor e conseguir transmitir esse valor aos seus filhos.
È saber sofrer no silencio, saber sorrir na felicidade, saber acalmar as tempestades e rebeldias dos nossos filhos, é saber lhes dar o devido valor e aceitar o que por vezes não são os nossos ideais, mas sim a felicidade deles…
quantas vezes se ouve dizer “ mãe és tão incompreensível, és tão dura comigo, tas sempre a chamar á atenção, parece que não gostas de mim porque ralhas sempre”
Estas palavras magoam tanto no momento, porque nossos filhos não se apercebem o quanto os amamos, e por isso mesmo é que estamos em cima de todos os acontecimentos…
Mas também percebo, que só depois de serem pais é que entendem o porquê de nem sempre estarmos de acordo com eles e isso me dá felicidade porque consegui minha meta…
de ser mãe a tempo inteiro….
Vou me repetir quando digo que o dia da mãe não é apenas um dia no ano mas sim todos os dias após o nascimento dos nossos filhos….
Mas concordo que queiram um dia para reflexão, e esse dia então é passado diferente com mais carinho, mais flores, mais festa enfim um dia especial….
Sendo assim quero falar da minha mãe, essa pessoa maravilhosa que me deu a vida e me educou e de mim fez ser uma mãe com ideais….
Beijo mãe querida e um pedido de desculpa por todas as lágrimas que fiz rolar em teu rosto pela minha incompreensão….
Hoje mãe sou e sei que não fui sempre a mais correcta contigo, mas o mais maravilhoso é que ainda hoje me sorris e dizes ò filha destes-me muita felicidade, sou orgulhosa de ser tua mãe….
São as palavras mais lindas que filhos podem ouvir, por isso digo que ser Mãe é maravilhoso…
Mesmo quando a vida nem sempre nos sorri, temos o amor dos nossos filhos e da nossa mãe.

Ser Mãe

Um beijo uma flor e uma eterna gratidão á minha mãe….

Image3.jpg


O desejo de um óptimo dia das mães a todas as mães, e se vossos filhos nem sempre são os mais carinhosos bem no fundo deles tem um carinho especial por quem lhes deu a vida….
Aqui fica o pai incluído, pois mãe não poderia ser se não houvesse um pai.

 

 

Que este dia seja abencoado por Deus  e com carinho e amor de vossos filhos

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: Emocionada, feliz, realizada
música: Mae querida

publicado por Alzira Macedo às 01:00
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
Sábado, 3 de Maio de 2008

"Meu ar"

Nao questumo escrever dois postes no mesmo dia...
Mas hoje é excepção á regra....
Sinto-me nostalgica, pensativa e com estes sentimentos fui escrevendo o que me vinha á mente... decidi colocar o meu novo poema escrito á minutos aqui....

 

Meu ar….

Não é imaginação, é mais do que emoção
abro a boca e sinto-te em meu respirar
tento me explicar, que é imaginação
sinto o bater aflito do meu coração
que me diz não é não…
olho para o mar, para me afogar
mas encontro-te nas ondas da solidão
o vento me leva perto de ti a chorar
estando longe fico sem ar
meu ar meu chão és tu
sem ti não consigo respirar
a minha alma fica incontrolável
por te querer e não seres palpável
na fria madrugada contigo no pensamento
me entrego ao vento
Abro meu corpo ao relento
esqueço-me do meu orgulho e vou te amar
 quero te abraçar, preciso de ti ar
como o céu das estrelas, como a terra do sol
como os navegantes do farol
sem ti sou sofrimento
sou soluço sem nascer, sem viver
permaneço no triste anoitecer
Nos teus braços é meu lugar
quero-te ar..

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: pensativa
música: tento saber / Nuno guerreira

publicado por Alzira Macedo às 10:43
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
 O que é? |  O que é?

Amigos, estou convosco sempre...

A amizade é o conforto indescritível de nos sentirmos seguros com uma pessoa, sem ser preciso pesar o que se pensa, nem medir o que se diz.

George Eliot

Amigos,

Estamos distantes e ao mesmo tempo tão perto...
A amizade que nos une pode vencer todas as distâncias.
Ela sim é mais forte que o tempo. Ela sim poderia atravessar
a imensidão do espaço e transcender os limites da vida.
Sim...

Como ela é forte, pois essa amizade nada nem ninguém
destruirá. Que perdure enquanto nossas almas existirem...
Que nem a distância, nem o tempo e nem mesmo
os nossos erros, terminem a nossa amizade.

Nada é mais valioso do que ela.

"Recebido por amigos, e enviado para amigos"

Pode ser que um dia deixemos de nos falar...
Mas, enquanto houver amizade,
Faremos as pazes de novo.

Pode ser que um dia o tempo passe...
Mas, se a amizade permanecer,
Um de outro se há-de lembrar.

Pode ser que um dia nos afastemos...
Mas, se formos amigos de verdade,
A amizade nos reaproximará.

Pode ser que um dia não mais existamos...
Mas, se ainda sobrar amizade,
Nasceremos de novo, um para o outro.

Pode ser que um dia tudo acabe...
Mas, com a amizade construiremos tudo novamente,
Cada vez de forma diferente.
Sendo único e inesquecível cada momento
Que juntos viveremos e nos lembraremos para sempre.

Há duas formas para viver a sua vida:
Uma é acreditar que não existe milagre.
A outra é acreditar que todas as coisas são um milagre.

Albert Einstein

As mulheres podem tornar-se facilmente amigas de um homem; mas, para manter essa amizade, torna-se indispensável o concurso de uma pequena antipatia física.

Friedrich Nietzsche

Bom fim de semana a todos... MySpace and Orkut Beijos Glitter Graphic - 3

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
sinto-me: bem
música: Uma lagrima e um beijo

publicado por Alzira Macedo às 09:21
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
 O que é? |  O que é?

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. Recuso-me aceitar

. Mais um amanhecer

. Que dia é hoje???

. Aprenda a falar Alentejan...

. Sonho ou Realidade...

. Um esboço

. Imaginação poderosa.

. Frazes ditas

. Passei somente para dizer

. Poisando nas palavras...

. Mais uma etapa da vida

. Perdida no tempo

. As fazes da lua,,,

. Se não sabe fica a saber....

. Amor é tudo isto e muito ...

. EM ALGUM LUGAR DO PASSADO...

. Aqui estou

. Longe de ti minha alma gr...

. Bom 2012

. Senti vossa falta

.arquivos

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.Momento de reflexão

Image Hosting

< < <

Myspace Photo Cube

.favorito

. A perfeição...

. As Contradições do Amor

. Quem serei eu

. Alzira Macedo-dueto-Sonho...

. Teu Nome

. Homem do Mar

. Amanhecer

. Somente Tu

. Um pouco sobre mim ...

blogs SAPO

.subscrever feeds